um Boeing 737-700 das Linhas Aéreas de Angola (TAAG), com 47 passageiros a bordo e seis membros da tripulação, proveniente de Luanda, ficou com parte inferior da sua cabine danificada, quando fazia manobras na zona de desembarque neste domingo. Todos ocupantes saíram ilesos.

O acidente registado no aeroporto Comandante Nzozi, na cidade do Soyo, ocorreu minutos depois do avião ter-se feito à pista, por volta das 11 horas, na sequência de uma falha no trem de aterragem, forçando a entrada dos pneus da frente.FullSizeRender 2

De acordo com as autoridades aeroportuárias locais, em declarações à Agencia de Noticias de Angola , o Boeing 737-700 aterrou bem na pista, mas ao tentar manobrar para estacionar na área de desembarque a parte frontal do aparelho embateu no chão.FullSizeRender

Entretanto, peritos do Gabinete de Prevenção de Acidentes de Aeronaves são aguardados a qualquer momento no Soyo para apurar as reais causas da situação.

Este é o segundo incidente no aeroporto do Soyo em menos de um ano, após o despiste de um avião ligeiro do tipo PA-31 da empresa privada Mavewa, em Julho de 2016, cujos dois ocupantes saíram também ilesos.

O município do Soyo, rico em petróleo e outros recursos naturais, localiza-se no extremo noroeste (litoral) da província do Zaire.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here