Pabllo Vittar tem 22 anos e é um dos drags queens mais populares da atualidade, tendo batido o recorde de RuPaul nas redes sociais.

Pabllo Vittar, drag queen, é um dos artistas mais populares da atualidade no Brasil e é um dos convidados do festival Munchen Fest, que se realiza em dezembro. Mas o convite ao cantor não agradou ao vereador e pastor evangélico Ezequiel Bueno.

De acordo com o site PapelPop, o vereador comentou um boato que avançava que Pabllo Vittar faria uma “digressão” pelas escolas brasileiras para falar sobre diversidade sexual.

“Queria lamentar porque vão trazer essa pessoa [Pabllo Vittar] para Ponta Grossa. Queria lamentar por trazerem essa pessoa a uma cidade familiar. Uma cidade em que lutamos, no plano de educação, para tirar a ideologia de género das escolas. Numa cidade onde somos conservadores, somos pais, mães e trabalhadores. Quem quiser assistir, se não for com o meu dinheiro, tudo bem. Porque se inventarem  sair para rua e ir às escolas, vou prender. Vou prender, nem que depois eu seja preso por abuso de autoridade”, frisou em debate na Câmara Municipal da localidade.

“Pelo amor de Deus. O que é isso na nossa cidade?”, acrescentou.

Apesar de não fazer parte do alinhamento oficial do Rock in Ri Brasil, Pabllo Vittar foi a rainha (veste-se de mulher) da primeira grande festa da edição de 2017 do evento. No final do concerto, o drag queen conversou com o SAPO Mag e confessou que foi um privilégio cantar na Cidade do Rock.

“Foi uma experiência fantástica na minha vida, tenho a certeza de que nunca mais vou esquecer este dia porque assisto ao Rock in Rio desde as primeiras edições – vá, sou novinha, tenho só 22 anos -, mas acompanhava as edições a partir de casa e ficava emocionada porque via os meus artistas favoritos a atuar no palco e eu tive a oportunidade de fazer um concerto cá”, revelou.

“Tive a oportunidade de juntar muita gente, centenas de pessoas que estavam a cantar as minhas músicas e que se divertiram comigo. Foi muito bom. Senti uma emoção que não dá para descrever por palavras”, admitiu.

Pabllo Vittar contou ainda ao SAPO Mag que pretende atuar em Portugal. “Gostava de ir a Portugal até porque tenho um clube de fãs, tenho amigos aí em Portugal, sou fã de artistas portugueses… Então, porque não? Levar Pabllo Vittar a Portugal, a minha cultura, o meu Brasil. Seria uma honra”, frisou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here